corporate_banner_pt

Portugal, 40 years later

Portugal, 40 anos depois

  • Disponível em: de en fr pt
  •  Data: 26 September 2016
  •  Duration: 5:00

Play video in :  

English 


A ponte mais longa da Europa. A renovada Igreja e Torre dos Clérigos, jóia do barroco. Uma tecnologia inovadora capaz de diagnosticar uma infeção com uma única gota de sangue. Que elemento têm em comum? Foram todas desenvolvidas em Portugal. E concretizadas graças ao apoio do Banco Europeu de Investimento, o banco da UE.

Desde que o BEI concedeu os seus primeiros empréstimos, em 1976, centenas de projetos mudaram a forma como 10 milhões de Portugueses circulam, trabalham e vivem – da construção de importantes infraestruturas de transportes à renovação de estabelecimentos de ensino. Nos últimos 40 anos, mais de 25 000 pequenas e médias empresas beneficiaram de financiamentos do BEI em montante superior a 45 000 milhões de EUR, através dos bancos parceiros em Portugal.

«O Banco Europeu de Investimento diz, muito acertadamente, que é o banco dos Europeus», afirma Carlos Costa, antigo Vice-Presidente do BEI. «É preciso que os cidadãos compreendam que têm um banco de apoio ao desenvolvimento. Que o desenvolvimento significa um desafio diferente conforme o estádio de partida de cada um dos países. E que, para cada um dos desafios, o BEI tem uma resposta.»

Descubra neste vídeo como os investimentos do BEI contribuíram para transformar o país, tal como hoje o conhecemos.



 Imprimir